Patriots levam Super Bowl em virada histórica e pagam até 14 vezes mais!

[ad_1]

New England anota 19 pontos no último quarto e leva o título no tempo extra

O Atlanta Falcons chegou a ter a mão na taça, mas Tom Brady não é apontado por muitos como o maior jogador de todos os tempos por caso. O quarterback conduziu o New England Patriots a uma virada histórica, que rendeu R$ 1,68 por cada real, de acordo com dados do Bet365. No entanto, em determinado momento da partida, este retorno chegou a ser de 14 vezes o valor investido.

Falcons começam com tudo

O primeiro quarto até foi bem morno, com as defesas levando a melhor sobre os ataques, mas o que vimos no segundo período foi um passeio do Atlanta Falcons, que chegou a abrir 21 pontos de vantagem. Primeiro anotou após recuperar um fumble de LeGarrette Blount, que com dois belos passes de Matt Ryan, viraram um touchdown de Devonta Freeman. Aliás, já tínhamos alertado há duas semanas que o corredor era o grande favorito para este feito e nosso palpite rendeu excelentes R$ 9,00 por cada real investido.  A primeira marcação ter sido do Atlanta também garantiu R$ 2,37.

Se o duelo era equilibrado até então, a história mudou completamente, e os Falcons voaram com os passes de Ryan e as recepções de Julio Jones, que buscava a bola aonde fosse. Com esta dupla avançando, sobrou para o calouro Austin Hooper ampliar para 14 a 0. O baile ficou completo quando Tom Brady foi interceptado por Robert Alford, que correu 82 jardas para mais um touchdown: 21 a 0. Os Patriots só conseguiram descontar com um chute de Stephen Gostkowski, diminuindo para 21 a 3.

Volta do intervalo e roteiro parecia se repetir

Com a posse da bola para os Falcons, os primeiros minutos seriam determinantes para o desfecho do campeonato. E se do outro lado estivesse um time normal, de fato, tudo teria acabado aos seis minutos. O New England parecia ter ficado impressionado com a apresentação da Lady Gaga e simplesmente não apareceu. Tevin Coleman aproveitou e aumentou para 28 a 3, recebendo mais um bom passe de Matt Ryan.

Para desespero do adversário, nem quando Tom Brady funcionou e os Patriots chegaram ao touchdown, com James White, as coisas saíram tão bem.  Isso porque Gostkowski errou o chute do ponto extra e a diferença ficava em 19 pontos. Margem que parecia impossível de virar em 15 minutos, e neste momento quem acreditou na estrela de Brady e New England para a virada teve a opção de faturar R$ 14,00 por real aplicado.

Virada de cinema

Além da diferença que precisava ser tirada, o quarterback dos Patriots ainda tinha que lidar com um dia difícil. Ele havia sofrido dois sacks ainda no primeiro quarto, cometeu diversos erros e deixou seu time virar uma presa fácil para a defesa rival. A história se repetiu e Brady foi derrubado mais duas vezes no terceiro período, desta vez por Garrett. Assim, teve que se contentar com um field goal de Gostkowski, baixando para 28 a 12, e ainda ficava com muito chão para percorrer faltando 10 minutos no relógio.

E daí em diante o jogo vira um filme, digno de hollywood e aquelas histórias de superação no esporte. Os Falcons passaram a errar exageradamente, salvando diversas terceiras descidas do oponente, que os mantiveram vivos. Já os Patriots conseguiram um fumble de Matt Ryan, na linha de 25 jardas e aproveitaram. Tom Brady colocou a bola nas mãos de Danny Amndeola para marcar o touchdown e ainda acertou a conversão de dois pontos, desta vez com James White. Faltando seis minutos, passamos a ter um jogo de verdade, algo que não acontecia desde a metade do segundo quarto.

E a estrela dos favoritos brilhou, os Falcons falharam mais uma vez e Tom Brady foi crescendo e levando passo a passo os Patriots até ao touchdown, com James White, mais uma vez. Desta vez o roteiro foi o inverso e Amendola ficou responsável pela conversão de dois pontos, empatando o jogo em 28 a 28, a 57 segundos do fim e levando o Super Bowl para o tempo extra pela primeira vez.

Na prorrogação, Brady não deu chances para o azar e fez uma campanha perfeita. O quarterback colocou a bola novamente nas mãos de James White, para garantir o quinto título do New England, seu nome, o da franquia e deste dia definitivamente na história do esporte.  

E nesta noite mágica, as cifras só poderiam ser fantásticas. Quem apontou que o duelo teria mais de 61 pontos recebeu R$ 4,33 em cada real, mas James White ter anotado três touchdowns garantiram espetaculares R$ 101,00 / R$ 1,00.

[ad_2]

Source link

Leave a Comment