UFC 211 tem Cigano, lucros de até 335% e dois cinturões em jogo



Tire a poeira do sofá e se prepare: o UFC está de volta e chega com tudo! Neste sábado, a edição 211 do maior evento de MMA do mundo traz um card eletrizante, com grandes lutas, três brasileiros em ação e dois cinturões em disputa. Junior Cigano e Jessica Andrade vão em busca do ouro contra Stipe Miocic e Joanna Jedrzejczyk, respectivamente. Além das disputas de título do peso-pesado e do peso-palha feminino, Demian Maia representa o Brasil contra Jorge Masvidal. Somados, os brasileiros podem render um lucro de até 335%.

A luta principal do show coloca frente a frente Miocic, o atual campeão dos pesados e Cigano, o desafiante. O duelo é uma revanche. Eles já se enfrentaram em 2014, e após uma guerra de cinco rounds o brasileiro saiu do octógono vencedor em luta apertada. Dessa vez, em posições diferentes, Stipe é o favorito. Segundo o Bodog, a vitória do campeão rende 71% de lucro, enquanto o triunfo de Cigano oferece 110% de rendimento.

Os dois vivem fases diferentes daquela vivida quase três anos atrás. Miocic se tornou campeão, nocauteou quatro adversário e esbanja confiança. Já Cigano, lutou duas vezes, perdeu uma, ganhou outra, mas parece confiante para a nova disputa de título. Ele já sabe o caminho, só precisa traçar a estratégia certa para conter o ímpeto do rival. E a parte estratégica é uma das maiores qualidades do brasileiro no momento.

Acho difícil que a guerra de cinco rounds do primeiro combate se repita. Imagino que o combate acaba antes, provavelmente com um nocaute. E brasileiro.

Palpite: Junior Cigano

Joanna Jedrzejczyk Vs Jessica Andrade

A missão de Jessica na disputa de título feminina é indigesta. Para derrubar o cartel invicto de 13 vitórias em 13 lutas da atual campeã, a brasileira terá de usar uma boa estratégia, ter paciência e aproveitar bem as brechas que aparecerem. Sua maior arma é o jiu-jitsu contra a polonesa. Ainda assim, acredito que Joanna está um nível acima das rivais da divisão. Arrisco dizer que será uma luta longa, mas Jedrzejczyk vence na decisão. 

Palpite: Joanna Jedrzejczyk  

Dicas:
  • Apesar de azarão, Demian Maia tem boas chances contra Masvidal. Ele pode garantir 90% de lucro
  • Se vencerem, Joachim Christensen e Sergio Pettis oferecem o maior lucro do evento: 325%
  • Ex-campeão dos leves, Eddie Alvarez oferece 95% de lucro se vencer Dustin Poirier

Confira os odds do UFC 211

Card principal

Odds em 10 de maio, segundo o Bodog

  • Stipe Miocic (R$ 1,71) Vs (R$ 2,10) Junior Cigano
  • Joanna Jedrzejczyk (R$ 1,57) Vs (R$ 2,45) Jéssica Bate-Estaca
  • Demian Maia (R$ 1,90) Vs (R$ 1,83) Jorge Masvidal
  • Frankie Edgar (R$ 1,69) Vs (R$ 2,15) Yair Rodríguez
  • Henry Cejudo (R$ 1,22) Vs (R$ 4,25) Sergio Pettis
Card preliminar

Odds em 10 de maio, segundo o Bodog

  • Eddie Alvarez (R$ 1,95) Vs (R$ 1,80) Dustin Poirier
  • Chas Skelly (R$ 1,74) Vs (R$ 2,05) Jason Knight
  • Krzysztof Jotko (R$ 1,66) Vs (R$ 2,20) David Branch
  • Marco Polo Reyes (R$ 1,26) Vs (R$ 3,85) James Vick
  • Jessica Aguilar (R$ 1,87) Vs (R$ 1,87) Courtney Casey
  • Jared Gordon (R$ 1,62) Vs (R$ 2,30) Michel Quiñones
  • Chase Sherman (R$ 1,66) Vs (R$ 2,20) Rashad Coulter
  • Gabriel Benítez (R$ 1,57) Vs (R$ 2,45) Enrique Barzola
  • Joachim Christensen (R$ 1,22) Vs (R$ 2,45) Gadzhimurad Antigulov



Source link

Leave a Comment